sexta-feira, 22 de maio de 2015

wip


Por este meu andar bem devarinho, e pela primeira vez, haverá pinhas no verão.

segunda-feira, 18 de maio de 2015

mãe leoa

Por esta hora, está a minha filha a fazer a prova de língua portuguesa do 4º ano, quando ainda nem sequer terminou o ano letivo, numa escola onde nunca foi antes com um professor que não conhece. Este teatro todo para mostrar o que sabe aos 10 anos.

E sobre aquela conversa da treta: — Pois, os miúdos que andam lá naquela escola onde não há trabalhos de casa, nem testes nem notas, chegam agora aos exames e não estão preparados. — não tenho nada a dizer. Apenas que continuo a achar que tomei a melhor decisão de tê-la poupado à carga de trabalhos escolares e a uma série de tantas outras coisas desnecessárias no 1º ciclo.

domingo, 10 de maio de 2015

inspiração




A primeira vez que "ouvi" falar destes chapéus feitos em croché, de origem etíope, foi através desta edição da Selvedge onde podem ampliar para ler (nº17 – pág. 48).

Todas as imagens foram retiradas deste site.

sexta-feira, 8 de maio de 2015

Poderá uma simples pega de cozinha ser tão divertida de se fazer? Pode.

Mais algumas para abrir o apetite aos alunos do workshop, que entretanto esgotou!

segunda-feira, 27 de abril de 2015

◎ ◌

Reencontro com a régua mágica.

quinta-feira, 23 de abril de 2015

workshop de crochet circular

 A Rosa desafiou-me a conduzir um workshop de crochet para a Retrosaria. O conteúdo vai incidir nas técnicas de crochet circular e é destinado a qualquer pessoa que já esteja à vontade a fazer os principais pontos básicos – malha de cordão, ponto alto e ponto baixo.

Para quem está pouco familiarizado com as possibilidades de fazer crochet em círculo, costuma ter a ideia de que não há nada que enganar. Aumentam-se uns pontos de vez em quando, e se começar a deformar acrescentamos ou retiramos pontos. A maioria das pessoas que conheço faz assim. Foi como aprendi em miúda, era o modo mais simples para uma criança nunca se enganar e ficar motivada a ver o trabalho a crescer – fazer "a olho" também é válido!

Mas o objetivo deste workshop não é bem esse, é sim, ensinar algumas técnicas (que eu pratico) para criar círculos harmoniosos de modo a não deformarem, o modo mais indicado para iniciar cada volta com uma nova cor e fazer um padrão simples decorativo ao longo dos círculos.
Durante a aula, iremos construir uma bonita pega de cozinha (igual a uma destas), uma peça simples que permite ensinar tudo isso, e que depois de pronta, para além de se tornar útil ainda decora a cozinha!
Saber trabalhar em círculo permite avançar para projetos maiores, e quanto maior for um trabalho feito em círculo, mais bonito ficará se conhecermos alguns truques para os "defeitos" ficarem menos visíveis.

Quem estiver interessado no conteúdo deste workshop poderá inscrever-se através da Retrosaria, a página já se encontra disponível para consulta e está marcado para o dia 30 de maio.

sábado, 18 de abril de 2015

–«««

Mata de São Domingos de Benfica.